(87)981665206
MUNDO: Pastor engravida noiva que morre durante aborto e é obrigado se casar com o cadáver

MUNDO: Pastor engravida noiva que morre durante aborto e é obrigado se casar com o cadáver

Um casamento muito incomum etá chamando a atenção do meio evangélico. Um pastor teria engravidado a noiva foi forçada por ele a fazer. Mas a mulher não resistiu e morreu durante procedimento. O religioso foi obrigado a se casar com o cadáver.

reverendo nigeriano Success Emeka Sunday , é fundador do Life Transformation Praying Ministry, em Akwakuma, na Nigéria. Além de ter sido obroigado a se casar com o defunto, ainda é acusado de ter drogado a sua noiva antes de força-la a realizar o aborto, que em alguns países ainda é considerado crime.

Os os familiares de Chioma Okoye, 32 anos, obrigaram o pastor Emeka a se casar com o cadáver após descobrirem através do resultado da autópsia e da investigação que ela estava grávida e morreu tentando interromper a gestação.

 

O pastor Emeka Sunday e Chioma Okoye, ficaram noivos em 2020,Okoye e Sunday viraram noivos e inciaram a preparação dos planos do casamento. Porém, durante os preparativos a mulher engravidou do reverendo. Ele rejeitou a criança alegando que a igreja desaprova bebês nascidos antes do casamento e de que a gestação afetaria sua reputação.

Segundo informações do site Within Nigeria e o Naija News, após o pator rejeitar a criança ainda por nascer, ele convidou a gestante, futura companheira para ir à casa dele e dopou a mulher. Depois que Chioma desmaiou , o reverendo a levou para um hospital e orientou o médico interromper sua gravidez.

O médico resistiu de início, mas acabou sendo coagido quando o reverendo Sunday usou a força para convencer o profissional.

 

Durante o procedimento de interrupção, Chioma começou a vomitar e médico orientou o o reverendo Emeka a levá-la a um Centro Médico Federal para tratamento posterior. Sunday deu entrada da noiva para receber atendimento com um nome diferente e os sua familiares não foram informados que a mulher estava ferida. Horas depois ela morreu ainda na unidade de saúde, antes que a família pudesse ajudá-la.

O reverndo confessou ter dopado Okoye para interromper sua gravidez , quando a família de Chioma acessou o o resultado da autópsia e pediram uma explicação

O reverendo foi obrigado a se casar com o cadáver de Chioma antes do funeral. Após a “punição”, Sunday voltou a celebrar cultos religiosos.

Fonte: CONTTEI GOSPEL

Compartilhe na Rede


Biografia / Histórico
Fechar

É fácil Participar da Promoção!

Digite abaixo o Nome da Promoção, Nome(completo) e Telefone com DDD.

Participe da Promoção